Se engana quem pensa que ter ideias de conteúdo para redes sociais depende só de criatividade. Na verdade, você pode confiar mais em um calendário bem estruturado do que na inspiração que sopra de vez em quando, pode acreditar!

Por isso, resolvi trazer algumas maneiras de pensar esse planejamento de outros pontos de vista, que não só “sentar e pensar em qual vai ser o próximo post”.

Garanto que vai abrir seus horizontes quanto à criação de conteúdo para redes sociais! Leia com calma e, no final, passe na seção de comentários para me dizer o que você achou das dicas 🙂

Antes de botar a mão na massa, vem o planejamento

Lembrete amigo: tem muita estrada para percorrer antes de começar a pensar nas ideias de post, viu?

O planejamento de marketing de conteúdo é o primeiro passo para começar a criar postagens. Afinal, você precisa definir os objetivos da sua estratégia para depois decidir como atingi-los.

Se você pulou essa etapa e está com a cabeça vazia atrás de ideias de conteúdo para redes sociais, estruturar essa documentação vai ajudar bastante a povoar sua mente.

Afinal, grande parte do planejamento é passar por definições da estratégia que vão trazer insights e tópicos que podem ajudar seu consumidor final. Você vai criar sua persona, estabelecer pilares de conteúdo e pensar na jornada do cliente, para dar uma palhinha.

Assim, quando chegar a hora de definir as pautas em si, você já vai estar por dentro do caminho que seus consumidores vão percorrer até a conversão.

Concorda que, aí, fica muito mais fácil pensar em conteúdo para ajudar nesse processo?

Metodologias para ter ideias de conteúdos para redes sociais

Agora, separei algumas maneiras estruturadas de pensar em conteúdo para redes sociais. Olha só:

1. Aproveite conteúdo gerado por seus clientes

Toda boa estratégia de redes sociais usa conteúdo gerado pelo usuário. Além de quebrar um galho quando você está em ideias, essa ação tem a vantagem de ajudar na prova social que pode ser o gatilho para que um cliente novo chegue ao estágio de conversão.

Pense comigo: sempre que estamos em cima do muro sobre testar um novo produto, ficamos interessados na opinião de outras pessoas que já usaram, né?

Nesse caso, o conteúdo gerado pelo usuário ajuda a criar um senso de comunidade e traz a validação necessária para que o novo cliente se sinta compelido a converter.

Nesse quesito, um perfil para se inspirar é a Sallve! Olha algumas ideias que tirei de lá para usar esse tipo de conteúdo na sua estratégia:

    • Poste avaliações que os clientes deixaram no seu site, Google Meu Negócio, seção de comentários de redes sociais, etc.
Foto de cliente da Sallve com a legenda: "Se dúvidas, são os melhores produtos que eu já usei. Já vi diferença na primeira semana de uso. Amei o resultado e com certeza vou continuar usando."
Resenha de cliente publicada nos stories da Sallve (Foto: Instagram/Reprodução)
  • Reposte fotos de clientes usando seu produto no dia a dia.
Foto da Carolina, cliente da Sallve, usando um creme da marca
Foto de cliente usando um produto da Sallve publicada nos stories da marca (Foto: Instagram/Reprodução)

Ah, e tem outra! Quando você ativamente pede para que seus seguidores mandem conteúdo, você está gerando engajamento, o que é benéfico para o alcance orgânico do perfil 😉

2. Deixe o público decidir quais conteúdos eles querem ver

As ferramentas de interação das redes sociais são muito valiosas para estabelecer conexões reais com o público.

Para que ficar quebrando a cabeça, pensando e pensando em qual conteúdo os seus seguidores gostariam de ver, se é só perguntar para eles?

Abra caixinhas de perguntas e deixe-os escreverem sugestões. Ou faça uma enquete de alguns conteúdos que você já tem engatilhados e pergunte qual eles querem ver antes!

Garanto que isso vai trazer vários insights interessantes sobre o seu público e você vai ter várias ideias de conteúdos para redes sociais de temáticas que nem tinha pensado antes.

3. Fique de olho nos últimos memes do momento

Ao contrário do que muitos pensam, os memes não ficam restritos à estratégia de conteúdo de marcas consideradas cool e jovens.

Isso porque as redes sociais já são um espaço naturalmente descontraído da internet. Tire proveito disso!

E sabe quem faz isso muito bem? O Cartoon Network! O Instagram deles é cheio de memes, que eles adaptam para o universo de personagens dos desenhos.

Isso é uma dica de ouro, inclusive. Para usar memes na sua estratégia, pense em como trazê-los para a realidade do seu público. Vale dar uma olhada no CN para se inspirar!

Meme publicado no Instagram do Cartoon Network
Post do Instagram do Cartoon Network baseado em um meme (Foto: Instagram/Reprodução)

4. Faça um benchmarking com empresas concorrentes

Claro que a máxima é sempre se inspire, não copie. Mas ficar de olho na estratégia de conteúdo das empresas concorrentes é uma ótima ideia! Sabe por quê?

Em tese, elas têm um público muito parecido com o seu. Ou seja, pessoas que têm hábitos, gostos e comportamentos similares. Por isso, você pode analisar o conteúdo da concorrência para tirar alguns insights:

  • Quais posts tiveram melhor desempenho e engajamento? Você pode trabalhar com o mesmo tema, mas dando um enfoque específico que eles não abordaram. Veja como eles interagem com o público.
  • Quais formatos de posts eles estão usando? Pode ser foto, vídeo, GIF, enquete, carrossel, entre muitos outros. Talvez você ainda não esteja usando o que faz mais sucesso por lá!
  • Qual é o diferencial que eles atribuem ao produto deles? Assim como a concorrência tem vantagens, você também tem as suas. Procure maneiras de explicar isso para o público.

5. Monitore as notícias importantes da sua área de atuação

Ficar de olho nas notícias é sempre uma boa prática para profissionais de social media. Afinal, se algum acontecimento é interessante para o seu público, por que não transmitir isso para eles?

Assim, você se afirma como autoridade na sua área de atuação.

É muito parecido com o que fazemos aqui no portal da Mateada, onde você confere as últimas notícias sobre marketing digital todos os dias!

6. Use ferramentas para identificar tendências

Às vezes, pode ser cansativo tentar ficar a par de tudo que está acontecendo no seu nicho de atuação. Para ajudar nesse processo, existem ferramentas que fazem a identificação de tendências: como é o caso do Google Trends!

A mina de ouro é a seção de “Assuntos relacionados”. Você digita algum termo relativo a um tópico geral e ele traz uma série de temas que estão em alta e possuem alguma relação com ele.

Assuntos relacionados para o termo "marketing de conteúdo" no Google Trends: administração, beleza, ideia, persona e cliente
Assuntos relacionados para o termo “marketing de conteúdo” em novembro de 2021 (Foto: Instagram/Reprodução)

7. Adapte e desdobre conteúdos de outros canais

Se você trabalha com outros canais de divulgação, pode muito bem aproveitar o conteúdo para as redes sociais!

Mais do que somente replicar, é possível fazer desdobramentos e apresentar ideias de outros pontos de vista, mas que tratem do mesmo tema.

Inclusive, temos um artigo sobre como um blog pode ajudar a alimentar as redes sociais que tem uma série de dicas práticas para isso. Dá uma olhada lá se você ainda está confuso!

8. Faça uma curadoria e indique conteúdos de outras fontes

Quando você está sem ideias de conteúdo para redes sociais, é sempre uma boa indicar outras fontes para os seus clientes.

Afinal, você até pode ser uma grande autoridade na sua área de atuação. Mas precisa de bastante humildade para admitir que não sabe tudo, né?

Com a curadoria de conteúdo, você estabelece uma relação de confiança com seus clientes e deixa claro que quer oferecê-los apenas o melhor!

Além disso, também pode levar a um melhor relacionamento com a concorrência. Algumas das melhores campanhas de marketing vêm de parcerias entre concorrentes, inclusive!

Extra: um influencer sempre vai ter boas ideias de conteúdo para redes sociais!

Se você está com a cabeça girando depois de tantas ideias, tenho uma dica: já pensou em usar o marketing de influência a seu favor?

Um influenciador pode ser a pecinha que está faltando para ajudar você a navegar pelo universo de conteúdo para redes sociais, que, vamos admitir. Pode ser um pouco confuso, sim!

Afinal, eles já possuem extensa experiência em engajar o público e, provavelmente, já têm uma boa noção do que funciona bem e nem tanto assim. Dê uma chance e você não vai se arrepender 🙂

Notícia relacionada: TikTok lança plataforma para conectar marcas a criadores de conteúdo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Assine nossa Newsletters

Receba nossos melhores conteúdos por e-mail.

Você pode gostar disso

Algoritmo do Feed do Instagram: como usá-lo a favor da minha empresa?

Desde que o Instagram parou de mostrar as publicações do feed em…

Como criar conteúdo para as redes sociais?

Atualmente, quando se fala em marketing de conteúdo, a primeira coisa que…

IGTV é a nova oportunidade de marketing para sua empresa

O IGTV — ou Instagram TV — é um aplicativo de vídeos…