Faz bastante tempo que trabalho com marketing de conteúdo, e a internet mudou bastante desde então. Mesmo assim, a base de como criar um blog de sucesso continua a mesma: estratégia e planejamento!

Já é quase um clichê bater nessa tecla, mas acredite. As pessoas não colocam em prática aquilo que realmente vai fazer diferença. O gerador do sucesso.

E arrisco a dizer que você também está em busca dessa fórmula nem tão mágica assim.

O caminho para descobrir como criar um blog de sucesso é saber quem é o seu público e como, por que, quando, e o que falar para ele.

Por isso, esse conteúdo vai guiar você desde as primeiras definições sobre a estratégia do seu blog, até a execução das ações planejadas.

Ah, e ainda tem um material completo com templates e orientações para documentar e colocar tudo em prática!

1. Entenda o papel estratégico do blog

Antes de mergulhar na criação, você precisa entender qual é o objetivo que deseja alcançar com o seu blog. Ou seja: qual papel estratégico o blog desempenha na sua estratégia de marketing digital?

Geralmente, essas funções podem envolver o fortalecimento de marca, o alcance do público-alvo e o aumento das vendas.

Entretanto, são cenários muito amplos. Você precisa ter essa questão muito bem definida e documentada no planejamento da estratégia para potencializar os possíveis resultados.

Para ter uma ideia, veja algumas funções que o blog pode ter em meio à operação da empresa.

Apoiar a equipe de vendas

Produzir conteúdo para blog é essencial para apoiar sua equipe de vendas, seja no e-commerce ou nas lojas físicas.

Afinal, um conteúdo instiga a percepção de que o leitor precisa do que você tem a oferecer. Além de tirar dúvidas sobre produtos e serviços!

Para isso, é importante saber como conversar com o seu público e captar sua atenção, principalmente através do funil de conversão.

Ajudar os leads a andarem no funil

Se você ainda não conhece o funil de conversão, já está mais do que na hora de entender seu conceito para aplicá-lo na estratégia de marketing!

De forma breve, o funil funciona como uma conversa com o seu público em diferentes etapas. Desde quando ele tem uma remota ideia do assunto, até o momento de convencê-lo a adquirir seu produto.

Assim, o texto do blog guia o leitor por diferentes temas dentro do seu site, convencendo ele aos poucos de que seu produto ou serviço é necessário para ele.

Potencializar as estratégias de remarketing

O remarketing é uma forma de impactar o público uma outra vez, porém com uma nova estratégia de marketing. Basicamente, é uma nova tentativa de conversão usada para atingir pessoas que já tiveram contato com sua marca, mas não compraram.

O blog pode ser uma ótima oportunidade para isso, usando uma abordagem que de fato convença o leitor a se tornar um cliente.

Além disso, esse canal também é muito útil para criar bases de usuários para remarketing. Afinal, é possível exibir anúncios para pessoas que já visitaram o blog usando o Google Analytics, por exemplo.

Atrair tráfego orgânico

Conteúdo de blog também é o formato ideal para atrair tráfego orgânico do Google, por exemplo. Afinal, é para lá que as pessoas vão quando têm alguma dúvida!

Isso pode ser feito através do uso correto de palavras-chaves e aplicação de boas técnicas de SEO.

Assim, você consegue criar uma página relevante para os usuários e, assim, aparecer nas primeiras posições de pesquisa.

Outros nichos de atuação

Além das possibilidades citadas acima, o marketing digital feito em estratégias conjuntas com conteúdos para blog pode também ter o papel de:

  • Gerar autoridade de mercado, criando a ideia de especialidade no assunto através dos conteúdos;
  • Contribuir para a estratégia de branding, com conteúdo que ajuda na sua gestão de marcas;
  • Alimentar redes sociais, usando nas postagens textos e links que atraiam para o blog;
  • Captar usuários para materiais ricos, usando links no conteúdo que levem para materiais mais aprofundados;
  • Ajudar no SEO do site com link building, aumentando o número e a qualidade dos links de entrada para sua página;
  • Fomentar estratégias de e-mail marketing, levando conteúdos relevantes para sua lista de contatos;
  • Ser aproveitado em newsletters, atualizando sua lista de contatos com novidades do blog;
  • Continuar o relacionamento pós-venda, sempre buscando manter a atenção do cliente.

2. Defina os objetivos principais do blog

Não tem como alcançar resultados que nem você sabe quais são. O primeiro passo, portanto, é ter clareza sobre quais são os seus objetivos.

  • Você criou seu blog como um hobby ou visa ganhar dinheiro com ele?
  • Quer apenas divulgar seu trabalho ou se tornar autoridade no mercado?
  • Quer gerar leads para seu produto digital?
  • Quer direcionar pessoas para seu e-commerce e estimular a compra?

São muitos objetivos possíveis, mas pense quais são os resultados esperados em X meses.

Depois de definidos os objetivos, é preciso estabelecer as métricas que serão utilizadas para mensurar os resultados a fim de saber se as metas foram alcançadas. São os KPIs de marketing digital!

Além disso, saiba quanto tempo você tem disponível para, de fato, viabilizar esses objetivos. Quanto mais você se dedicar, mais rápido os resultados vão chegar.

3. Documente o planejamento de marketing de conteúdo

Agora, você já tem um norte para guiá-lo nas primeiras etapas para criar um blog de sucesso. E chegou a hora de idealizar a estratégia!

É no planejamento que você vai fazer as definições mais importantes para aquilo que já discutimos lá no comecinho do post.

Ou seja, entender quem é o seu público e quais são suas características, gostos, hábitos e comportamentos.

Isso vai ajudar a descobrir como conversar com os leitores, e quais fatores importantes para eles você pode usar para guiá-los à conversão — seja qual for o seu objetivo! Além da escolha de temas e linguagem utilizada no texto.

Temos um post sobre planejamento de marketing de conteúdo, onde explicamos todos os passos para elaborar esse documento.

Abaixo, também trouxemos explicações rapidinhas sobre alguns itens.

Mas você já está com meio caminho andado, porque nosso Kit de Produção para Blog gratuito tem um template completo com público-alvo, mapa da empatia, persona e jornada do cliente, com definições de conteúdo para todas as etapas do funil!

É só acessar o link e seguir as instruções para receber esse material quentinho no seu e-mail.

Persona

Como indica o nome, a persona é uma personificação do cliente ideal da sua empresa. Aquela pessoa assídua, cujo dia a dia é positivamente impactado pelo seu produto.

Sim, ele tem nome, idade, profissão, família, hábitos, gostos e desgostos. E tudo mais que você considerar relevante para entender seu comportamento!

Jornada do cliente

Com a jornada do cliente, você entende como os seus clientes se comportam enquanto avançam no funil de conversão. Desde o momento que descobrem a necessidade até a hora da decisão de compra.

Ele serve como norte para compreender em que momento cada conteúdo, argumento e linguagem devem ser utilizados para aumentar as chances de conversão.

4. Defina as editorias e os pilares de conteúdo

Em tese, essa etapa também pode entrar no planejamento de marketing de conteúdo. Entretanto, como são definições que podem gerar muitas dúvidas, trouxemos um tópico separado para explicar bem direitinho para você.

As editorias são as categorias gerais que vão abrigar os seus posts. Como a Mateada é um blog de marketing digital, nossas categorias se referem às áreas: SEO, Links Patrocinados, Marketing de Conteúdo e por aí vai.

Por sua vez, os pilares de conteúdo se relacionam diretamente com o funil de vendas. Aqui, você define quais são os objetivos e possíveis temas de cada texto, de acordo com a etapa em que o leitor se encontra.

Pense de maneira estratégica para definir suas editorias

A escolha das editorias deve ser uma das últimas etapas de criar um blog de sucesso. Afinal, você deve ter passado por toda a etapa de planejamento para entender o cenário macro da estratégia.

Uma maneira de fazer uma boa escolha é estudar as características do seu negócio. Assim, você vê quais temas dialogam com os seus produtos e, mais importante, se eles estão alinhados com a realidade da sua persona.

Outra forma de escolher assuntos para blog é focar nas dúvidas que os clientes deixam nos comentários ou nos principais canais de comunicação da empresa.

Nesse caso, o post serve até como apoio para a equipe de atendimento depois da produção!

E você também pode buscar a opinião dos clientes através de uma pesquisa de mercado. Ela é muito útil para qualquer tomada de decisão, porque permite se basear em dados reais.

Portanto, busque tais informações por meio dos recursos que as redes sociais oferecem.

Ou crie formulários online com perguntas estratégicas que ajudam a compreender quais são os melhores assuntos para o blog.

Use o funil de vendas como base para construir seus pilares

Já vimos aqui nesse conteúdo que o funil de vendas é um recurso que agrupa os seus clientes de acordo com o estágio da decisão de compra.

Ou seja, desde que o leitor ainda nem sabe que tem um problema direito, até quando ele entende que o produto é a solução que ele vem buscando.

Para pensar em conteúdo relevante para cada etapa, primeiro, você deve entender o que motiva o cliente no momento em que ele se encontra.

Topo

É a etapa onde o leitor precisa entender que tem um problema. Algumas vezes, ele até já sabe disso, mas ainda não tem conhecimento sobre as causas.

Por isso, você deve selecionar temas que acertem em cheio na necessidade do leitor.

Por exemplo, para uma loja de artigos esportivos, uma pauta interessante seria 7 motivos pelos quais seus joelhos doem ao correr.

Meio

Nessa etapa, o cliente já entendeu que precisa resolver seu problema, e quer conhecer algumas maneiras de chegar lá.

Essa é a fase de consideração. Por isso, você deve fornecer informações que mostrem ao leitor quais são as opções que ele possui para resolver a questão que está incomodando.

Seguindo o nosso exemplo, ele sabe que tem de comprar um tênis melhor. Um bom artigo de meio seria O que considerar para escolher um tênis esportivo.

Fundo

Este é o momento em que você deve convencer o leitor de que o seu negócio é o melhor lugar para ele.

Produza conteúdos que mostram o diferencial do produto ou serviço que você tem a oferecer, como cases e depoimentos de clientes.

Aqui, uma boa ideia é fornecer indicações de produtos específicos. Afinal, o cliente já terá uma certa bagagem de pesquisa, e você pode ajudá-lo a tomar a decisão certa.

Para nossa loja de esportes, uma pauta que se encaixa no fundo de funil é Melhores modelos de tênis de corrida em 2022.

5. Faça definições de hospedagem, domínio e plataforma

Com todo o planejamento criado, é hora de colocar a mão na massa na parte técnica do seu blog! Isso inclui a hospedagem, o domínio e a plataforma de gerenciamento de conteúdo.

Hospedagem e domínio

O primeiro passo é contratar um plano de hospedagem. Algumas empresas que prestam esse serviço são a KingHost e a Hostinger.

Depois, é preciso escolher um domínio e garantir que ele não está em uso por outra pessoa. O indicado é que ele possua as terminações .com.br ou .com, que passam uma maior sensação de profissionalismo ao usuário.

É claro que, se você já possui um site para seu negócio, não precisa se preocupar com essas questões. É só entender como instalar sua plataforma de escolha com quem gerencia o site.

E quanto ao domínio, pode colocar o blog por lá também. Pode ser através de um subdomínio (blog.meusite.com.br) ou diretório (meusite.com.br/blog).

Plataforma

Depois, é hora de escolher a plataforma de gerenciamento de conteúdo que será utilizada para criar seu blog de sucesso.

É lá que você vai formatar e agendar seus posts, administrar comentários, subir imagens e outras mídias, fazer customizações no tema, entre várias outras tarefas importantes.

Somos defensores ferrenhos do WordPress aqui na Mateada. Inclusive, temos um post completo com passo a passo para criar um blog em WordPress que pode ajudar bastante na sua jornada!

Hoje, ele não é usado somente para blogs, mas também para sites institucionais, e-commerces, landing pages e qualquer tipo de projeto de desenvolvimento.

Afinal, é uma plataforma com alto nível de customização e profissionalismo.

Inclusive, nosso Kit de Produção para Blog gratuito tem um guia completo de SEO para WordPress. Isso porque a plataforma vem bastante “crua” no momento da instalação, o que significa que você precisa configurá-la corretamente.

Com esse material, você vai aprender a:

  • cadastrar as informações gerais do site, como nome e linguagem;
  • definir a estrutura de permalinks (links permanentes) dos seus posts;
  • criar tags e categorias de maneira otimizada;
  • entender quais plugins são úteis para SEO;
  • configurar o Yoast SEO.

Clique aqui para fazer o download, e depois é só correr pro abraço 🙂

6. Coloque a estratégia na rua e dê início à execução

Agora sim, é hora de partir para a ação quanto à estratégia de marketing de conteúdo do seu blog!

E olha que pode ser uma etapa trabalhosa, viu? Já pensou em todos os documentos que essa execução requer?

Você vai precisar de uma planilha (ou ferramenta de gerenciamento, como o Trello) para ter uma visão geral do calendário editorial.

Depois, outra aba para documentar as informações estratégicas de cada post: palavras-chave principais e secundárias, URL, status de produção, autor, etc.

Mesmo que você seja o único responsável, também vai precisar de um modelo de pauta. Afinal, não é só sair digitando, não!

Escrever um texto de blog precisa de direcionamentos, referências, linkagens e objetivos.

Para contar com redatores freelancers, é necessário ir além: documente também a categoria, data de entrega da demanda, tamanho do texto, persona e outras informações.

E, por último, é bom ter checklists com pontos importantes para produzir, revisar e publicar o conteúdo, né?

Afinal, a gente sempre acaba esquecendo um detalhezinho importante na correria. E são justamente essas miudezas que as pessoas deixam passar e acabam comprometendo o sucesso da estratégia!

Ok, eu sei que é bastante coisa para pensar. Mas calma lá que não precisa de pânico!

Afinal, o nosso Kit de Produção para Blog gratuito tem todos esses documentos que eu mencionei aqui. Y otras cositas más también 🙂 É só clicar no banner para acessar!

Banner do Kit de Produção para Blog da Mateada

7. Promova o blog em outros canais

Com um bom trabalho de SEO, o Google vai ser a principal fonte de tráfego do seu blog. E isso é vantajoso porque estratégias desse tipo têm resultado exponencial!

Ou seja, vai demorar para que você veja os primeiros frutos. Mas depois, o crescimento tende a acelerar bastante.

Mesmo assim, você não precisa ficar sentado esperando os cliques caírem no Google Search Console.

Você pode promover em outros canais para aumentar as visitas do blog.

Asssim, você ajuda a maximizar os resultados desta estratégia. De quebra, ainda ganha materiais e conteúdos para preencher seu calendário editorial!

Algumas opções interessantes são:

  • Newsletter: crie uma seção de curadoria de conteúdo e inclua um link para o blog, ou deixe o conteúdo do post mais enxuto para ser enviado por e-mail.
  • Compartilhe o conteúdo do blog nas Redes sociais: faça uma chamada para que as pessoas leiam o post no blog, ou desdobre o conteúdo em uma thread do Twitter ou carrossel do Instagram.
  • Google Ads: se houver um objetivo específico a ser atingido com um determinado post, pode ser que valha a pena levar tráfego pago para o blog.

Conheça nosso Kit de Produção para Blog e baixe grátis

Agora, você já está por dentro de todo o processo para criar um blog de sucesso. Como criamos nosso kit pensando em ajudá-lo nessa jornada, separamos um tópico desse conteúdo para explicar para você tudo que você encontra por lá.

Uma dificuldade notável é que é difícil colocar tudo para funcionar, mesmo tendo o conhecimento teórico do processo.

E mais ainda fazer o resultado ser satisfatório! Seja por falta de tempo, experiência ou especialidade com blog.

Por isso, nós unimos nossas equipes de conteúdo e SEO para desenvolver um material que será o seu braço direito na documentação estratégica e no controle de qualidade dos seus textos.

O mais legal é que juntamos nossas vivências em agência para criar documentos que sabemos que fazem toda diferença para tocar um blog e alavancar os resultados.

Os materiais a seguir são úteis, principalmente, por dois motivos:

  • você terá todo o planejamento estratégico documentado (organização);
  • e receberá um guia de informações que são necessárias para alavancar um blog.

Banner do Kit de Produção para Blog da Mateada

Bom, sabendo disso, vamos conhecer os documentos que ajudam nesse quesito e fazem parte do kit!

Planejamento estratégico

Modelo de público-alvo

Documento formatado e editável para você preencher todas as informações do seu público-alvo. Se ainda não tem esses dados, o próprio modelo indica o que é relevante você saber.

Modelo de persona

Também é um documento formatado e editável para preencher as informações da sua(s) persona(s). Se não souber quais informações colocar, siga o que o modelo pede e procure descobrir esses dados.

Modelo de mapa da empatia

Modelo anexado à persona, para você preencher as informações do mapa de empatia do seu leitor/cliente ideal. Cada quadrante está com uma explicação breve para você saber exatamente o que colocar.

Modelo de jornada do cliente (funil de conversão para blog)

Jornada simplificada do cliente que passa pelo seu blog, em formato de funil de conversão. Para cada etapa, você preenche quais tipos de conteúdo de blog fazem mais sentido para sua(a) persona(a).

Planejamento de produção

Modelo de calendário de conteúdo

Para ter o controle maior da produção e histórico, com acesso rápido a informações como datas de publicações, títulos dos textos, palavras-chave e o que já foi publicado (incluindo link da publicação).

Modelo de pautas

Extremamente importante no trabalho com redatores terceirizados ou equipe interna com mais de uma pessoa. As pautas são informações que guiam a produção textual, como a palavra-chave, linkagens, direcionamentos gerais e referências para utilizar.

Materiais para guiar a sua produção de conteúdo do seu blog

Agora que já falamos sobre a parte de planejamento estratégico, chegou a hora de colocar a produção em prática.

Nesse momento, os guias são essenciais para manter a qualidade dos textos e garantir que os envolvidos sigam a estratégia proposta.

Isso é importante porque alguns detalhes podem colocar o sucesso do seu blog por água abaixo, o que é bem comum, na realidade.

Por exemplo, redatores que não usam a palavra-chave adequadamente no texto. Revisões que deixam passar links quebrados. Publicações que não formatam o texto nem otimizam imagens.

Tudo o que é importante está nestes guias e vou mostrar cada um deles abaixo. Ah, e ainda tem um bônus no final. ????

Guia de SEO para WordPress

Tudo o que você precisa lembrar de configurar na criação do seu blog, como plugins, categorias, definições no Yoast, entre outros.

Guia de produção de conteúdo

Itens que os redatores precisam seguir durante a escrita do texto, como as melhores partes do conteúdo para inserir a palavra-chave, boas práticas de linkagens e escolha de imagens, cuidados com legibilidade etc.

Guia de revisão de conteúdo

Tudo o que os responsáveis pela revisão de conteúdo não podem esquecer de checar antes de aprovar um texto, incluindo boas práticas de SEO, checagem de links, linguagem adotada, entre outros.

Guia de publicação de conteúdo

Itens para seguir enquanto faz a publicação do conteúdo, desde pequenos detalhes que costumamos esquecer (como colocar a data e a categoria do post), até otimizações de imagens do próprio conteúdo.

Bônus: Modelo de doc para redatores

De bônus, dividimos com você o modelo de documento que usamos com nossos textos. Ele já vem na formatação ideal para publicação de blog post (o que facilita muito a vida de quem for publicar).

Lista de ferramentas úteis para manter um blog de sucesso

Por fim, criamos uma lista super completa de ferramentas que são quase indispensáveis para criar e gerenciar um blog.

Você vai encontrar indicações para fazer pesquisa de palavras-chave, edição de imagens, correção de textos, plugins de WordPress e muito mais!

Conclusão: comece hoje para ver os resultados amanhã

Se você chegou até aqui sem parar de ler, parabéns! Força de vontade você já tem — e isso é o principal para aprender como criar um blog de sucesso.

Então, por que não começar hoje? Errando e praticando, você vai aprender melhor do que assistindo um curso ou lendo um texto como esse.

Faça o download do nosso Kit de Produção para Blog e inicie agora mesmo a documentação da estratégia do seu blog!

Banner do Kit de Produção para Blog da Mateada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Assine nossa Newsletters

Receba semanalmente as principais notícias e conteúdos sobre Marketing Digital.

Você pode gostar disso